Automação e Rastreabilidade

Rastreabilidade de produção

RASTREAR + HABILIDADE = RASTREABILIDADE

HABILIDADE DE RASTREAR

Rastreabilidade é a capacidade de traçar o caminho da história, aplicação, uso e localização de um item individualmente ou de um grupo de itens.

O uso completo deste conceito na indústria se estende através da coleta de dados desde a produção da matéria-prima até o final da vida útil do produto, passando por todos os processos de beneficiamento, transporte e utilização aos quais o item rastreado foi submetido.

 

 

Tecnologias para coleta da dados:

A coleta de dados é o fator crucial para a implantação da rastreabilidade na indústria, pois é a partir das informações captadas que o histórico dos itens é criado. Para isso, existem diversas tecnologias que podem ser aplicadas, sendo as mais comuns listadas abaixo:

  • Coletas manuais;
  • Código de barras;
  • Datamatrix;
  • RFID.

Comparativo entre as tecnologias de coleta de dados:


Armazenamento dos dados coletados:

Manter todas as informações de histórico dos produtos em banco de dados possibilita que o sistema AKR de Rastreabilidade de Produção gerencie completamente o histórico de cada item, registrando a origem de sua matéria-prima, todos os processos a que ele foi submetido, eventuais problemas que possam ter ocorrido durante as etapas produtivas, relação de pessoas e locais relacionados à fabricação e todos os demais dados importantes para a vida util do produto.

 


Ganhos na implementação da Rastreabilidade de Produção:

  • Melhoria da visibilidade do processo de produção de ponta a ponta;
  • Aumento do OEE;
  • Melhora dos prazos de entrega;
  • Redução de problemas de qualidade;
  • Redução do tempo de produção;
  • Redução de estoques;
  • Redução de tempo e variabilidade de set-up;
  • Redução dos custos de manufatura;
  • Identificar problemas com antecedência;
  • Forçar o fluxo de trabalho;
  • Redução de riscos operacionais.